sexta-feira, 11 de janeiro de 2013

Conceição da Maré


Por Germano Xavier

Cingem algas perfumosas
nestas vagas de ilha
(será sozinha essa Maria?)
Forte, de paredes grossas
e ásperas
Maria Maré Conceição da Ilha

Na ida e na volta bravia
molha garganta seca
com o acre gosto da Vida
arma dura guerreira
navio casco de ferro
Maria Maré Conceição da Ilha

Pendem fios de ondas na memória
pobre infância de menina merencória
tudo o que planta é dela
Amor saudade alegria espera
abate ouro sustento de bicho
Maria Maré Conceição da Ilha

Foi trabalhar, Maria?
Alta trigueira mulher
divina bebe dos teus laços
roceira baiana filha menina
(Quem não te quer família?)
Maria Maré Conceição da Ilha

Um comentário:

Germano Xavier disse...

Crédito da imagem:

"Estranho... by ~Ajota"
Deviantart