sexta-feira, 17 de maio de 2013

Dos valores oferecidos


Por Germano Xavier

Quero encontrar a geometria dos meus vários
na tutela que me foi imposta,
e saber do caimento
dos meus ombros,
para assim caminhar ligeiro.

Não sei se côncavo ou se convexo,
não sei se me curvo ou se me reto,
ou se me disto ou se con(verso).

Para que palavras?

A pós-modernidade é mesmo
uma prostituta deplorável;
não sabe a quem se ofertar.

Nenhum comentário: