quinta-feira, 11 de junho de 2015

Os pesos

*
Por Germano Xavier

"Dame ilusion, esperanza, ganas de vivir y no me olvides". 
(Frida Kahlo)

sustento apenas
o status de sobrevivente
o dia que é azul no alto
a febre na maçã do rosto
o dito que por medo não saiu
o ar filtrado em filme termoplástico
são sintéticas as redes em que me fabrico

há um adesivo em meu peito que diz:
não modular a vida

tudo transparece quando violado
o amor o perdão a mágoa o inferno
conservar-se irrita e descontinua
a origem do cuidado pode ser o ferimento

elefante e pomba têm o mesmo peso nas nuvens


* Imagem: http://benjoin.deviantart.com/art/Cilindretto-333330267

Nenhum comentário: