quinta-feira, 26 de julho de 2012

O fantasma de Wagner


Por Germano Xavier 

|A crisálida é uma doença.
|A vida borboleta-se.

no espelho reside o pó nosso (de cada dia)
deixado do avesso na sombra ou no adeus
marcando em compasso a hora morta de se anoitecer

objeto abjeto que escala uma dor e um ardil
- toda polêmica em estar do outro lado do vidro
quando estamos vivos no lado menos pálido

tu que acordas na manhã nascente
e que embrulhas a alma no sol vestibular
sedes o verso de refletir abusos e tais

afane tua cena no que ainda há de desconstruído
memorize tua agilidade em ser logo cedo
vença a concórdia de uma olhadela interna
e sucumba ao teu primeiro golpe
do teu primeiro crime
slogan excêntrico-existencial

Um comentário:

Germano Xavier disse...

Crédito da imagem:

"Morning's hound
by *iram"
Deviantart