sábado, 6 de abril de 2013

Para vingar, uma paralela

Imagem: Deviantart

paralelo a isso
eu queria oportunizar o sentido
que há em tudo que há
deixar que apareça o que pode ser
ou ter sido o que se possa então
correr e umidificar o seco
para vingar toda seca d'outrora
eu queria palavrar a dor das dores
mudar a rota ida
fazer um quê maior que qualquer literatura

e se você viesse
e se você sentisse
e se você fosse
paralela a isso
uma curva numa reta  (certeza)
iríamos dobrar

2 comentários:

Urbano Gonçalo disse...

Olá!
Essa paralela ...
Gostei muito, aliás é sempre um prazer ler aqui na tua página.
Deixo um abraço, fica bem.

Malu Silva disse...

Gosto dessas brincadeiras com as palavras... metáforas bem alinhadas que compõem versos precisos. Muito belo!
Boa noite