sábado, 3 de março de 2012

Visão


 Por Germano Xavier

olhar altivo
a tarde de cima das nuvens
escolher o que ver
e ser
sentenciar a vida
na altura cativa
de saber mais
dos segredos
dos mistérios
dos teatros da vida
e enxergar na terra
o além-céu
espelho imaginário

13º poema-imagem/imagem-poema da série Preto-e-Branco: Poesia.
Fotografia de Daniela Gama.

4 comentários:

Gil Silva disse...

Gostei muito :)

Dani Gama disse...

O além-céu...as vezes temos um mundo inteiro em nossa frente e um grão de areia é o que enxergamos. As vezes é bom fechar os olhos, outras é melhor ir lá no ponto mais alto fazer aquela nova tentativa de entender com visibilidade boa, sem nuvem nem neblina.

Abraços, Poeta!

Jacqueline disse...

Lindo. Deu até pra virar ave por uns segundos, e ver toda a vida lá embaixo, tão pequenininha...
Abraço! Bom final de Domingo!

Angela disse...

Olá, Germano!
Gostei muito do seu blog! Um espaço repleto de sensibilidade e palavras que inspiram.
Que Deus o abençoe sempre!
Abraços, com carinho,
Angela

nospassosdejesusamor.blogspot.com
docessonhosdepapel.blogspot.com